Sem categoria

CBD em Colite/Doenças Inflamatórias do Cólon

Para apurar acerca dos potenciais efeitos do Canabidiol em Colite e Doenças Inflamatórias do Cólon (Colite Ulcerosa e Doença da Crohn), várias equipas de cientistas efetuaram, ao longo dos últimos anos, abordagens experimentais diversas.

Dois estudos pré-clínicos (2)(4), de 2016 e 2010, utilizaram a mieloperoxidase e sua atividade inflamatória como marcador principal. Um outro estudo (5), da Universidade Frederico II, em Nápoles, Itália, utilizou vários marcadores, nomeadamente cicloxigenase, iNOS (inducible nitric oxide synthase), interleucinas, ROS e peroxidação lipídica.

Da mesma Universidade, um outro estudo (3) faz uma abordagem aos mecanismos relacionais entre Sistema Nervoso Central e Colite Ulcerativa, com o CBD a atingir efeitos significativos na expressão de neurotrofinas indutoras de inflamação e respostas imunitárias aumentadas.

Em todos estes estudos, com inflamações quimicamente induzidas, foram assinaladas melhorias, não só nos respetivos marcadores, como na avaliação global sintomatológica, sangramento, diarreia, cãibras, mal-absorção/desnutrição.

Num estudo (1) recente, duplo cego, promovido por várias instituições no Reino Unido, em pacientes diagnosticados com Colite Ulcerosa, foram registados resultados similares, com os autores a concluírem que “diversos sinais sugerem que extratos botânicos enriquecidos em CBD podem ser benéficos para o tratamento sintomatológico da Colite Ulcerosa”.

Consulte mais sobre benefícios do CBD e as recomendações da Organização Mundial de SaúdePara comprar CBD, utilize o site e loja online do nosso parceiro e-canabidiol.com clicando aqui.

Créditos foto: Darko Djurin, Pixabay
Bibliografia
1. A Randomized, Double-blind, Placebo-controlled, Parallel-group, Pilot Study of Cannabidiol-rich Botanical Extract in the Symptomatic Treatment of Ulcerative Colitis.
Irving PM, Iqbal T, Nwokolo C, Subramanian S, Bloom S, Prasad N, Hart A, Murray C, Lindsay JO, Taylor A, Barron R, Wright S.
Inflamm Bowel Dis. 2018 Mar 19;24(4):714-724. doi: 10.1093/ibd/izy002.
PMID: 29538683
2. Abnormal cannabidiol attenuates experimental colitis in mice, promotes wound healing and inhibits neutrophil recruitment.
Krohn RM, Parsons SA, Fichna J, Patel KD, Yates RM, Sharkey KA, Storr MA.
J Inflamm (Lond). 2016 Jul 14;13:21. doi: 10.1186/s12950-016-0129-0. eCollection 2016.
PMID: 27418880
3. Cannabidiol reduces intestinal inflammation through the control of neuroimmune axis.
De Filippis D, Esposito G, Cirillo C, Cipriano M, De Winter BY, Scuderi C, Sarnelli G, Cuomo R, Steardo L, De Man JG, Iuvone T.
PLoS One. 2011;6(12):e28159. doi: 10.1371/journal.pone.0028159. Epub 2011 Dec 6.
PMID: 22163000
4. The effects of Delta-tetrahydrocannabinol and cannabidiol alone and in combination on damage, inflammation and in vitro motility disturbances in rat colitis.
Jamontt JM, Molleman A, Pertwee RG, Parsons ME.
Br J Pharmacol. 2010 Jun;160(3):712-23. doi: 10.1111/j.1476-5381.2010.00791.x.
PMID: 20590574
5. Cannabidiol, a safe and non-psychotropic ingredient of the marijuana plant Cannabis sativa, is protective in a murine model of colitis.
Borrelli F, Aviello G, Romano B, Orlando P, Capasso R, Maiello F, Guadagno F, Petrosino S, Capasso F, Di Marzo V, Izzo AA.
J Mol Med (Berl). 2009 Nov;87(11):1111-21. doi: 10.1007/s00109-009-0512-x. Epub 2009 Aug 20.
PMID: 19690824

Deixe uma resposta